Entretenimento

Cantora Rihanna fica ‘alto’ sobre as políticas de imigração do presidente Trump

Cantora Rihanna encorajou seus fãs a “serem o mais barulhentos que você puder” para proteger os direitos dos imigrantes.

A popstar nascido em Barbados há muito tempo é uma crítica do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e falou sobre as tentativas recentemente atrasadas por imigração e alfândega deportar pelo menos 2.000 famílias nas principais cidades em todo o país.

Depois de apresentar Mary J. Blige com o Lifetime Achievement Award no BET Awards na noite de domingo, o ator de 31 anos encorajou a todos a “fazer o máximo que puderem” quando se trata de destacar a questão.

“Eu acho que em qualquer situação em que algo é tão devastador quanto o que está acontecendo na América agora com os imigrantes, você tem que ser o mais alto que puder”, disse ela ao The Root no backstage da cerimônia de premiação.

“Você tem que despertar tanto conhecimento, e não apenas isso, mas como um todo, como uma nação, colocar todas as suas cabeças e todas as suas vozes juntas e ser o mais alto possível. Essa é a única maneira que os políticos e o governo realmente escute, quando eles sentirem que seu país está tão preocupado quanto o assunto é preocupante “.

No fim de semana, Rihanna se dirigiu diretamente a Trump em um post no Instagram, no qual ela segurava uma camiseta da coleção de roupas da Fenty com a palavra “Imigrante”, que ela descreveu como uma palavra “orgulhosa”.

“hey @realdonaldtrump”, ela legendou a foto, que a mostrava cercada por um grupo diversificado de amigos e colegas.

A vencedora do Grammy acrescentou que estava orgulhosa de ser uma imigrante e lembrou seus fãs de que amá-la também significa demonstrar amor por pessoas como ela.

“Onde quer que eu vá, com exceção de Barbados, sou um imigrante. Acho que as pessoas esquecem isso muitas vezes”, disse ela ao The Cut, explicando seu protesto na moda. “Eu acho que eles veem a marca da Rihanna. Mas eu acho que é importante que as pessoas se lembrem, se você me ama, todo mundo aqui é como eu.

“Um milhão de Rihannas lá fora, sendo tratadas como sujeira.”

Deixe uma resposta